Conhecendo o Rio de Janeiro

Foi uma viagem bem rápida de 3 dias mas que veio a calhar com o momento que estava vivendo (precisava sair da rotina para pensar), tinha acabado de passar pelo meu aniversário (os 30 anos chegaram uhull trintei) e tinha uma prova para fazer na cidade. Então não tinha momento melhor e fiz as possibilidades se concretizarem para que a viagem fosse possível. Planejei cada detalhe para que eu pudesse aproveitar ao máximo essas poucas horas numa cidade, para mim, desconhecida até então e cheia de novidades.

A verdade é que não fiz nem 10% do que queria e voltei com gostinho de quero mais. Fiz a hospedagem pelo Airbnb e conto em outro post sobre essa experiência. Quem me segue lá no Instagram @momentodecuidar viu que publiquei algumas fotos da viagem por lá. Agora vou contar por aqui como foi essa programação, o que fiz e o que conheci na Cidade Maravilhosa e alguns detalhes sórdidos haha.

1º Dia:

Chegamos ao Rio de Janeiro no aeroporto do Galeão as 11h05 e fomos direto para o apartamento que faríamos a hospedagem. Almoçamos próximo ao prédio, fizemos uma comprinha no supermercado também bem próximo e a tarde fomos a praia de Copacabana. Ficamos na praia até o anoitecer, voltamos ao apartamento para arrumar para ir ao Shopping Rio Sul. Ir num shopping numa viagem curta, se você mora em uma cidade grande é sim tiro no pé e prefiro nem comentar que foi perca de tempo, mas segue a viagem…

2º Dia:

Era dia de prova mas como não consegui dormir direito acordei as 4h me arrumei e desci para praia às 5h para ver o nascer do sol. E olha… vou te contar que super valeu a pena! Coisa mais linda o nascer do sol na praia de Copacabana. No período da tarde foi a vez do Forte de Copacabana, depois Praia de Ipanema, pôr do sol na Pedra do Arpoador e então voltamos para Copacabana a pé passando pela Estátua de Carlos Drummond.

3º Dia:

Dia de conhecer o Bondinho no Pão de Açúcar, passamos pela Praia Vermelha e a tarde voltamos para praia de Copacabana até dar o horário de arrumar as malas para voltar pra casa.

Foi uma viagem maravilhosa que me fez repensar muitas coisas. Incrível como viajar faz a gente repensar a vida. Voltei mais leve, mais decidida e disposta a abrir caminhos que estavam fechados até então. Voltei trintona e de mente nova para essa nova fase.

Agora vamos aos detalhes sórdidos (adoro!!!)

Hospedagem: Como mencionei acima a hospedagem foi realizada pelo Airbnb, o apartamento era em Copacabana no quarteirão da praia e a escolha pela localidade foi feita justamente por querer aproveitar ao máximo o pouco tempo que tinha na cidade.

Alimentação: Toda alimentação foi feita nas proximidades do apartamento, seja em restaurantes próximos, seja nos quiosques na praia. Teve compra de lanches e em supermercado. Sobre alimentação nada foi planejado e tentar aproveitar o local onde você está para se alimentar é sempre mais fácil quando se tem pouco tempo.

Locomoção: Toda a locomoção foi feita via taxi e não sei informar se por Uber seria mais barato ou não. Gastamos cerca de R$ 70,00 por dia e por pessoa. Poderia ter usado o transporte público seja por ônibus ou metrô mas o tempo era muito curto para aprender a usar. Se você tem pouco tempo em um local é melhor usar algo mais prático.

Praia de Copacabana: Aproveitei alguns momentos na praia e por lá gastamos com cadeira e guarda sol, também me alimentei em quiosques e ambulantes.  Acredito que de longe é o programa mais barato de uma viagem para o litoral.

Forte de Copacabana: A entrada custou R$ 12,00 por pessoa e era uma grande curiosidade minha justamente pela vista. A vista é linda e existe a opção de se alimentar também por lá. O Forte oferece restaurantes e até uma Confeitaria Colombo (mas que também cobra entrada então talvez não compense para você).

Praia de Ipanema: Seguimos a pé do Forte de Copacabana a Praia de Ipanema. É muito pertinho e sinceramente não curti muito a praia, talvez estivesse cheia demais e achei ela um pouco suja pelo menos no espaço que visitei.

Pedra do Arpoador: A intenção era ver o pôr do sol mas como estava nublado não deu certo. Então aproveitamos o tempo vendo a vista e o movimento de visitantes.  É um local de difícil acesso pois subir na pedra mesmo com escada esculpida pode ser difícil para quem tiver algum tipo de problema na locomoção mas é um local com um energia incrível, além de lindo.

Pão de Açúcar: Ir no bondinho do Pão de Açúcar era meu passeio mais esperado. A entrada custa R$ 80,00 e você pode comprar o ingresso antecipado no site http://www.bondinho.com.br/ O ingresso dá direito a ida e volta e optei por comprar diretamente na bilheteria. No Pão de Açúcar você encontra lojas, restaurantes, espaço para eventos além de uma vista linda. Para mim a vista não foi tão maravilhosa porque ainda estava nublado hehe então vou deixar para ver a vista total numa próxima visita. Mas valeu muito a pena e super recomendo a visita.

Do pouco tempo que tive para conhecer a cidade achei ela muito bonita com um povo muito acolhedor. É um local excelente para treinar novas línguas porque é muito fácil encontra diversos turistas de diversos países. E no final das contas voltei com uma vontade tremenda de voltar para conhecer mais. Em breve retornarei!

Fotos: arquivo pessoal.

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *